Opinião

Sinto um vómito – “literalmente” falando -, profundo e sonoro, quando assisto (mais uma vez, a partir dos Açores) à saga das golas inflamáveis (que, afinal não são inflamáveis mas que perfuram, quando sujeitas a fogo), à trapalhada de um kit que era suposto ser “de autoprotecção contra os incêndios” e acabou por ser “pedagógico para as populações que fogem do fogo”, ao pedido de interpretação e aferimento da constitucionalidade de uma lei que existe há 24 anos mas que nunca foi aplicada.

A implementação do Orçamento Participativo é uma boa medida, mas não podemos permitir que aquilo que são obrigações do Governo, como a preservação do património cultural, fique dependente de ser um projeto escolhido pelos cidadãos.

Adere ao Bloco

Destaque

António Lima, primeiro candidato do Bloco de Esquerda pelos Açores à Assembleia da República, manifesta a sua disponibilidade para participar em debates durante a campanha e desafia os candidatos dos outros partidos a fazerem o mesmo, em nome da democracia, da transparência e do combate à abstenção.

O Bloco de Esquerda quer que, no prazo máximo de seis meses após o início de cada legislatura, o Governo da República seja obrigado a apresentar o programa de investimentos para as Regiões Autónomas para os quatro anos seguintes, como forma de evitar “as lógicas caritativas, as manobras dilatórias e a mera gestão de expectativas que têm marcado a atuação de sucessivos governos da República para com os Açores”, disse António Lima na apresentação do manifesto eleitoral do partido para as eleições legislativas nacionais.

Notícias

O Bloco de Esquerda pretende acabar com a utilização de herbicidas com glifosato – químico perigoso para a saúde – no espaço público, e propõe que o Governo Regional e as autarquias dos Açores passem cumprir obrigatoriamente critérios ambientais nos concursos públicos para aquisição de produtos e serviços. As duas propostas foram apresentadas hoje pelo deputado António Lima.

António Lima é o primeiro candidato do Bloco de Esquerda à Assembleia da República pelos Açores. A lista de candidatos às próximas eleições legislativas foi aprovada hoje na reunião da Mesa Nacional do Bloco de Esquerda que decorreu hoje em Lisboa.

O Bloco de Esquerda quer saber quais as razões para que a mudança da câmara hiperbárica do Hospital da Horta ocorra durante o verão e para quando se prevê que seja realizada a manutenção da câmara hiperbárica do centro de saúde das Flores.

O Bloco de Esquerda Lagoa desafia a Câmara Municipal de Lagoa a abrir vagas para integrar todos os trabalhadores que estão ao abrigo de programas ocupacionais e que desempenhem funções que correspondem a necessidades permanentes da autarquia.

Dossiers

Assina