Author Bios

Opinião:

  • Mesmo que o valor do salário da ex-presidente da ARRISCA não tenha sido ilegal, é, no mínimo, eticamente reprovável que alguém, alegadamente decida contratar-se a si própria enquanto prestadora de serviços na mesma instituição que preside para cumprir um acordo verbal… consigo mesma!

  • Para o governo do Partido Socialista, afinal, não existe qualquer responsabilidade social das empresas. Até para que estas cumpram com os seus mais básicos deveres para com os trabalhadores, o Governo acha que é preciso pagar-lhes!

  • Nenhuma empresa privada irá adquirir 49% da SATA Azores Airlines por puro altruísmo e ninguém acredita que algum investidor irá injetar capital na empresa, deixando o seu controle nas mãos do acionista público.

  • Há muito que a candidatura de Vítor Fraga à Câmara Municipal de Ponta Delgada foi anunciada. É absolutamente inaceitável que o Sr. Secretário, de manhã, coloque a gravata e fale em nome do Governo, utilizando todos os recursos públicos que tem ao seu dispor para, sem qualquer pudor, promover a sua candidatura, com inaugurações e anúncios, e de tarde tire a gravata, assumindo o papel de candidato.

  • O que têm em comum o (futuro) Hospital de São Lucas, em São Miguel, uma Clínica Privada e um Centro de Diagnóstico Tomografia Axial Computorizada (TAC) de Alta Resolução, também de uma clínica privada?

  • Dez perguntas e respetivas respostas para perceber o polémico processo de construção de uma central de incineração em São Miguel.

  • Os sinais que nos chegam das mais altas instâncias do Estado português vão no sentido de continuar com o business as usual, tornando Trump o novo normal. Não é de todo aceitável que se ignore o elefante na sala apenas com o objetivo de tentar preservar um determinado status quo ou de modo a obter algum proveito económico.

  • Apesar da atividade turística atravessar a sua melhor fase de sempre, crescendo 30% nos primeiros 10 meses  de 2016, quando se trata de aumentar salários todo o crescimento parece ser pouco.

  • O crescimento do Bloco de Esquerda nas próximas eleições é a pedrada no charco que pode agitar as águas e impelir mudanças que, de uma vez por todas, tornem os Açores uma sociedade mais justa e desenvolvida.

  • O fim das rendas aos colégios privados é há muito reivindicada pelo BE. Nos Açores, o Governo Regional do PS, que devia seguir este bom exemplo, mantém nos Açores um Estatuto do Ensino Particular, Cooperativo e Solidário que permite financiar colégios privados que disponibilizam oferta em níveis de ensino onde não existe qualquer escassez de oferta pública. E o PS/Açores parece viver muito bem com isso.