Share |

BE quer acabar já com o abate de animais no canil da Terceira

Alexandra Manes, candidata do BE à autarquia da Praia da Vitória, defende o fim do abate de animais no canil intermunicipal da Terceira, e a implementação de um plano de esterilização que chegue a todos os animais abandonados do concelho: “O controlo da população de animais abanadonados não passa pelo abate, mas sim pela esterilização”.

“Se o abate compulsivo fosse solução, não haveria animais abandonados. Se existem ninhadas abandonadas é porque houve animais que não foram esterilizados”, explica a candidata.

Num econtro com um grupo de voluntários que aplica as medidas CED – captura, esterilização e devolução – na Praia da Vitória, Alexandra Manes defendeu a realização de campanhas de sensibilização mais eficazes e mais próximas das pessoas, porque fazer apenas “cartazes bonitos não é suficiente”.

A candidata do BE, há muito ligada aos movimentos de proteção dos animais, elogiou o trabalho efetuado por este grupo de voluntários da Praia da Vitória, um trabalho que prova que “não há necessidade de fazer abates compulsivos como são feitos nos Açores”, e lamenta que estes grupos de voluntários que desempenham competências que são da autarquia, não sejam devidamente apoiados.

Aliás, esta foi mais uma medida apresentada hoje: Alexandra Manes garante que irá dar “todo o apoio aos grupos de voluntários que estão no terreno, e que sabem quais são as necessidades melhor do que ninguém”.

A candidata do BE lamenta que, ao longo dos anos, as autarquias tenham menosprezado o respeito pelos animais, uma situação que só se tem vindo a alterar perante a pressão realizada pela população.

Ainda no que diz respeito à esterilização, Alexandra Manes diz que é fundamental haver a monitorização dos animais que são adotados no canil – cujos novos donos recebem um voucher para a esterilização em veterinários privados – para garantir que estes animais são, de facto, esterilizados. “Quando se entrega um voucher para esterilização é preciso haver monitorização. É preciso ter a certeza de que aquele animal foi esterilizado. Caso contrário, quando aparecer uma ninhada com 10 ou 12 cães, o que é que vai acontecer? Vão ser abandonados...”, explica a cabeça de lista do Bloco à autarquia da Praia da Vitória.

Alexandra Manes quer também garantir o apoio à esterilização e prestação de cuidados veterinários a animais de famílias carenciadas.