Share |

BE quer estações rodoviárias para retirar autocarros da avenida marginal em Ponta Delgada

 

O candidato do Bloco de Esquerda à autarquia de Ponta Delgada defende a construção de estações rodoviárias, que permitam a conexão entre os diferentes tipos de transportes, de modo a retirar os autocarros interurbanos da avenida marginal.

“Não podemos continuar a ter aquela mancha de abrigos ao longo da marginal, onde não se sabe de onde sai o quê”, disse Jorge Kol Carvalho, considerando que se houver “uma estação rodoviária que conecta todas as transportadoras será muito mais fácil”.

O candidato independente pretende reestruturar o funcionamento dos transportes públicos, através da remodelação da rede urbana de transportes, da intensificação da sua frequência e da substituição progressiva da frota de minibus por veículos elétricos, assim como a introdução de um novo tarifário e de uma integração do sistema de bilhetes e passes comum entre as várias empresas transportadoras, com a introdução dos passes turísticos para diferentes períodos de uso.

O Bloco defende ainda a criação de um regulamento de cargas e descargas para a zona histórica, a criação de corredores verdes na cidade, e o aumento da rede de ciclovias.

“Para sublinhar Ponta Delgada, que no fundo é o nosso lema para esta campanha, torna-se imperiosa a concretização do direto à mobilidade. Esse direito à mobilidade terá que ser assente em redes de infraestruturas e de transporte público adequadas à cidade, à sua zona histórica, ao território e à sua população”, conclui o candidato.