Author Bios

Intervenções:

  • A democracia encontra-se em risco na Europa. As recentes vitórias de partidos de extrema-direita são prova disso. Trazem consigo a hegemonia, o conservadorismo, o domínio de instituições financeiras e políticas contrárias a coisas que deveriam ser tão simples como Direitos Humanos, pondo, assim, fim à ilusão de uma política progressista que os discursos desenhavam para a União Europeia.

Opinião:

  • À semelhança do “cobrador do fraque”, há quem, nas Flores, tenha, ao longo dos anos, registado um rol de favores que fez e que agora os esteja a cobrar, sendo a manifestação de apoio à candidatura e o voto, os métodos de pagamento exigidos. Isto é dar argumentos a quem deixou de acreditar na democracia.

  • Tiago Lopes, diretor regional da Saúde, ordenou o cancelamento das touradas, mas Tiago Lopes, o candidato do PS, recuou. Mais um episódio que demonstra o conflito entre a responsabilidade de tomar medidas que protejam a saúde pública e a ambição de ter um bom resultado eleitoral na Terceira.

  • O Diretor Regional da Saúde afirmou que “a reunião com o PS foi só auscultatória". Ou seja, ele assume que foi auscultar o PS para decidir que orientações vai dar para as regras da campanha eleitoral.

  • O Governo Regional não se pode demitir das suas responsabilidades e se considera que o Serviço Regional de Saúde não tem capacidade para dar resposta, tem tudo nas suas mãos para inverter essa situação.

  • Depois de o Governo inaugurar, com pompa e circunstância, um parque de estacionamento, pergunto: Onde estão obras e/ou projetos determinantes para a estratégia de desenvolvimento da Terceira e consequentemente para a região?

  • As Famílias de Acolhimento Temporário (FAT), as pessoas que implementam projetos de "captura, esterilização e devolução" e os voluntários das associações têm sido fundamentais para a diminuição do abate de animais nos Açores. São eles e elas que muitas vezes desempenham um trabalho que devia ser das autarquias.

  • O BE tem dado provas de que é um partido com uma enorme visão estratégica para o futuro da região, com ideias concretas e exequíveis para criar riqueza e potenciar os Açores.

  • Só ficava bem ao Governo Regional dos Açores passar das palavras aos atos, dando o exemplo à sociedade, acabando com a manutenção da discriminação de género nos apoios ao desporto que atribui anualmente.

  • A memória seletiva do deputado António Ventura: hoje critica os atrasos nos serviços dos CTT para os Açores, mas esquece-se que foi o último governo do PSD e CDS que privatizaram esta empresa pública estratégica que todos os anos tinha resultados positivos.

  • Se querem que “All Live Matters”, não se esqueçam de que o racismo mata, que a violência doméstica mata, e que está nas mãos de todos e todas nós travarmos uma batalha contra isso.