Share |

BE desafia Governo Regional a não aplicar o aumento do horário de trabalho nos Açores

 

O Bloco de Esquerda desafiou esta manhã o Governo Regional a não aplicar o aumento do horário de trabalho nos Açores. “Se o Governo Regional não tomar esta iniciativa, o Bloco de Esquerda vai apresentar uma proposta para a não aplicação das 40 horas de trabalho na administração pública regional”, anúnciou a deputada Zuraida Soares.

Aumentar o horário de trabalho, mantendo o mesmo salário é contribuir para o empobrecimento dos trabalhadires. “É o que pretende o Governo da República e a Troika”, acusou Zuraida Soares.

A deputada do BE desvalorizou a comunicação que o Governo Regional fez  esta manhã no parlamento: “Não fez mais do que anunciar, simplesmente, que vai cumprir aquilo que o Tribunal Constitucional determinou relativamente ao pagamento do subsídio de férias. Isto não é a ‘via açoriana’, é simplesmente o que está expresso na Lei”.

Zuraida Soares lembrou ainda que, mesmo assim, o pagamento vai ser feito com atraso, uma vez que o PS não quis aprovar em tempo útil uma proposta do Bloco de Esquerda que determinava o pagamento destes subsídios ainda durante o mês de Junho, como estipula a legislação, e como, aliás, estão a fazer muitas autarquias por todo o País.