Share |

BE quer explicações acerca do incumprimento das regras sanitárias numa tourada

A Direção Regional de Saúde tem de explicar porque autorizou a realização de uma tourada sem regras de distanciamento social no passado fim-de-semana, no que constitui uma violação da própria circular da DRS relativa a este tipo de evento.

Esse facto torna-se mais incompreensível quando não foram autorizados recentemente eventos desportivos sem a presença de público, outros são autorizados mas sem público e quando os agentes culturais na região se deparam com falta de informação sobre as regras para eventos.

A autorização para realização de eventos e as regras sanitárias para os mesmos não podem ser discricionárias e ao sabor de interesses económicos, eleitorais, outros ou de quem promove o evento. Têm de ser claros, objectivos, aplicados com equidade e, acima de tudo, têm de colocar em primeiro lugar a saúde pública.

Tendo em conta o grave incumprimento,  que se verificou no referido evento, das regras de distanciamento físico, a DRS deve dizer qual a penalização que será aplicada aos promotores do evento.