Share |

BE questiona Governo Regional sobre prevenção da toxicodependência nos Açores

 

Tendo em conta os preocupantes dados relativamente ao consumo de drogas por adolescentes nos Açores, que constam do Relatório Anual de 2011 do Instituto da Droga e Toxicodependência (IDT), a Representação Parlamentar do Bloco de Esquerda na Assembleia Legislativa dos Açores enviou uma série de perguntas ao Governo Regional sobre o trabalho que está ser desenvolvido para combater este flagelo.

Os dados do Relatório do IDT os Açores apresentam a maior taxa de prevalência de consumo ao longo da vida de todo o País, e também a maior de taxa de consumo recente, o que pode indicar um consumo regular por muitos jovens açorianos.

Perante estes gravidade destes dados, a Representação Parlamentar do BE quer saber que campanhas de sensibilização foram efectuadas em 2011 e 2012, e quais os seus impactos e critérios de avaliação.

Esta não é a primeira vez que os deputados do BE questionam o Governo sobre este assunto. No seguimento de anteriores esclarecimentos do Governo Regional, na anterior legislatura,  ficaram uma série de dúvidas que o Bloco pretende ver agora clarificadas, nomeadamente, em que consiste o apoio prestado aos grupos de trabalho dos Planos Municipais de Prevenção e como é que esse trabalho é articulado.

“Como se caracteriza o programa de substituição com metadona dos Centros de Adictologia da Região? O modelo biomédico manter-se-á como modelo de intervenção nos Centros de Adictologia? Se for esse o caso, como se justifica tal opção?”, são outras questões colocadas pelo BE no documento enviado ao Governo.

A deputada Zuraida Soares pretende ainda saber quais os critérios da avaliação efetuada às IPSS, no âmbito dos acordos de cooperação celebrados na área da prevenção dos comportamentos aditivos.

Além deste documento, o BE enviou um requerimento solicitando o acesso à lista final ordenada de candidatos a um concurso realizado o ano passado pela Secretaria Regional da Economia, no sentido de aferir a transparência do respectivo processo.